Receba, gratuitamente, o Boletim Sampa Online

Gravura e crítica social: 1925-1956
Gravura e crítica social: 1925-1956

Gravura e crítica social: 1925-1956

Gravura e crítica social: 1925-1956

Sinopse: As décadas de 1930 e 1940 são marcadas, no contexto da arte brasileira, pela emergência das temáticas de cunho social. Isso se manifesta em particular entre os gravadores – e muito particularmente na técnica da xilogravura – que se reúnem em “clubes” e atuam no sentido de representar trabalhadores em suas mais variadas funções. A Pinacoteca possui um acervo significativo de gravuras desse período e pretende agora apresentar uma seleção representativa acerca do tema. São 67 obras em xilogravura e linoleogravura de autoria de 18 artistas brasileiros como Lívio Abramo, Lasar Segall, Oswaldo Goeldi e Renina Katz.

Local: Pinacoteca do Estado (Centro)

Elenco/Direção: Curadoria: Valéria Piccoli

Data: até 16 de Fevereiro; Quarta a Segunda, das 10h às 17h30.

Preço: R$ 10,00

2º andar – Sala D.

Praça da Luz, 02 (Luz)

Telefone: 3324-1000

Horário da Bilheteria: Estudantes com carteirinha pagam meia entrada. Crianças com até 10 anos e idosos maiores de 60 anos não pagam.

Funcionamento: de terça a domingo, das 10h às 18h. A bilheteria fecha às 17h30

Peças selecionadas

Os Três Porquinhos - O Musical

Os Monólogos da Vagina

Uma Aventura na Neve e o Aniversário da Anna

Chapeuzinho Vermelho e o Lobo

Circo da Patrulha

Circo Spacial - Os Bons Tempos dos Circos Voltaram

Sinfonia para Crianças

Amigo Estou Aqui - O incrível Mundo de Toy Story

O Clubinho das Princesas

Vitrolinha 3000

Café da Manhã + Teatro: Patrulha Pet Salvando a Natureza