por Solange
Outubro, 2002
Fale com Solange

Obrigatoriedade do voto no Brasil

No último dia 6 os brasileiros foram às urnas para votar para deputado estadual, deputado federal, governador, presidente e para dois senadores diferentes. No dia 27/10 haverá o segundo turno entre os candidatos a presidente Luiz Inácio Lula da Silva e José Serra e entre os candidatos ao governo de vários Estados.
(Foto à direita: crédito Antônio Gaudério/Folha Imagem)
No Brasil as eleições são pelo sistema universal e direto com voto obrigatório e secreto. O voto é obrigatório para homens e mulheres com mais de 18 anos e facultativo para os analfabetos, para os maiores de 70 anos e para os jovens com idades entre 16 e 18 anos. 
Antes da Proclamação da República no Brasil podiam votar somente os homens ricos, proprietários de terras ou que tinham altos rendimentos. Depois passaram a votar todos os homens que tivessem mais de 21 anos e fossem alfabetizados. A partir de 1932 passaram a poder votar todos os homens e mulheres maiores de 18 anos que fossem alfabetizados. A partir de 1935 os analfabetos também conseguiram o direito de voto e, pela Constituição de 1988, esse direito foi estendido aos jovens com mais de 16 anos.
O voto passou a ser obrigatório após a Revolução de 1930. O voto é um direito do povo brasileiro mas acaba sendo um dever, pois a população não pode optar por não votar.
Existem muitos protestos contra a obrigatoriedade do voto, basta consultar o tema na internet e ver o resultado. Realmente algumas pessoas preferem ficar em casa assistindo à televisão a ter que ir até as urnas escolher os representantes do seu país. 
muito importante que as pessoas participem da política de seu país, pois ela trata de assuntos diretamente ligados à população como saúde, educação, emprego etc. E é preciso escolher um bom representante para cuidar desses assuntos. Mas não é certo obrigar uma pessoa a fazer o que não quer principalmente se tratando de um assunto tão sério.