Comércio e Serviços | É grátis! | Shows | Teatro | Atividades Infantis | Dança | Música Clássica | Exposições | Cinema | Contato

L.P.L reclama: "Quero fazer uma queixa sobre a Igreja Evangélica, que é localizada em uma garagem residencial ao lado da minha casa (Rua Edson Evaristo Ferreira, 51). Respeito todas as religiões, acho que cada um tem o direito de ter sua Fé, mas até o momento que não interfira da vida de outra pessoa. Por inúmeras vezes, pedi ao dono da residência e a comunidade, que fizesse menos barulho, pois o som e as gritarias entram dentro de casa. A igreja evangélica funciona as terças, quintas e sábados das 19:30 as 21 hora, dentro desse período é impossível fazer qualquer coisa dentro de casa, pois o barulho é insuportável".

Resposta:
Apesar que a bancada evangélica na Câmara Municipal, liderada por Carlos Apolinário, reduziu drasticamente a punição para o barulho gerado por templos no governo Marta Suplicy (leia), ainda é possível registrar uma denúncia no PSIU. Faça-o através do 156 ou pelo site sac.prefeitura.sp.gov.br, escolhendo como assunto Poluição Sonora. Seria conveniente responder sim à pergunta "Medir na casa do denunciante?", já que a senhora obteria um documento oficial não do ruído provocado pela igreja mas do volume de ruído na sua residência, o que é bem mais objetivo para qualquer desdobramento posterior. A senhora pode, ainda, efetuar um Registro Digital de Ocorrência em qualquer delegacia de Polícia por perturbação de sossego (Art. 42 do Código Penal), e ainda procurar um Juizado Especial Cível (pequenas causas) para propor uma ação contra o tempo em questão.


Compartilhe:
Facebook Twitter

Outras notícias

Facebook oferece cursos gratuitos.
As aulas possuem foco em programação e carreiras profissionais.

Museu do Futebol promove o "Programa Férias no Museu".
Com atrações gratuitas, a programação conta com diversas atividades para toda a família.

UNESP realiza seminário preparatório para a Bienal Afro-Brasileira do Livro.
O evento gratuito promove a consciência sobre a diversidade étnica e a contribuição africana na formação da identidade nacional.

Refugiados participam de Mostra no Sesc Vila Mariana.
Sírios, Senegaleses, Sérvios, Iranianos, Peruanos e Guianenses participam da Mostra Refúgios Culturais.

promoção em adesivação de stands e envelopamento de veículos 20% OFF Inform
Mais Ofertas

Portal Sampa Online (http://www.sampaonline.com.br): o portal dos bairros da cidade de São Paulo