Receba, gratuitamente, o Boletim Sampa Online

Rose, a doméstica do Brasil

Crédito: Guto Muniz

Rose, a doméstica do Brasil

Crédito: Guto Muniz

Rose, a doméstica do Brasil

Comédia, 75 minutos, 10 anos

Rose, a doméstica do Brasil

Comédia, 75 minutos, 10 anos

Sinopse: Rose é uma mulher batalhadora que ficou famosa por se tornar a doméstica dos gays depois que postou seu vídeo na internet cantando "Grelo", paródia de "Halo", da consagrada cantora pop Beyoncé. Ela agora ganha uma versão para o teatro onde relembra toda a sua história antes de ficar famosa, sua vida dura na infância, seus filhos e suas desilusões amorosas. Claro, tudo isso com muita música cantada ao vivo, sotaque nortemineiro -que é a marca registrada da personagem- além de um divertido sonho com seu ídolo Amado Batista.

Local: Teatro Itália (Centro)

Elenco/Direção: Texto e atuação: Lindsay Paulino. Direção: Adriana Soares. Produção: LP Produções.

Este espetáculo não está em cartaz atualmente

Comentários

Espetáculo maravilhoso mesmo, super recomendo! Risada do começo ao fim!!

Simone Maximo

Muito legal este espetáculo. Engraçado do início ao fim, recomendaria com certeza para amigos e para toda família.

Jhonathan Jackes Raimundo

Foi sem dúvida uma das melhores apresentações de comédia que já vi, o ator Lindsay Paulino maravilhoso, super super recomendo AMEI...

Elaine Ribeiro Margutti

ótimo, perfeito!!!!!

Heber Paiva

Muito bom eu ri demais

Ronaldo da silva

Teatro Itália (290 lugares)

Avenida Ipiranga, 344 (Próximo à estação República do Metrô) (República)

Telefone: 3255-1979 / 3120-6945

Horário da Bilheteria: Terça a domingo, das 15 até o início do espetáculo. No dia em que não houver espetáculo a bilheteria funciona até às 19h.

Ar-condicionado, acessibilidade para pessoas com necessidades especiais e estacionamento no local.

Conforto das instalações:

Ótimo

321

Bom

198

Regular

35

Ruim

2

Peças selecionadas

Trair e Coçar é Só Começar

Histeria

Morte Acidental de um Anarquista

Os Monólogos da Vagina

Até que o Casamento Nos Separe

A Sogra que Pedi a Deus

Deu a Louca na Branca

Gatão de Meia Idade, a peça

As Mona Lisas

Não Vamos Pagar!

Autobiografia Autorizada